24 de agosto de 2010 às 07h28m
Aeroporto de Aracati deve estar concluído em 60 dias

O titular da Secretaria do Turismo do Estado (Setur), Bismarck Maia, anuncia a retomada das obras para a construção da coberta do terminal de passageiros. A expectativa é que os primeiros voos charters em Aracati sejam recebidos ainda este ano

 

O novo aeroporto de Aracati, no Litoral Leste, deve ter suas obras concluídas em 60 dias, anunciou ontem o titular da Secretaria do Turismo (Setur), Bismarck Maia. Os investimentos são da ordem de R$ 21 milhões.

As obras de reconstrução do aeroporto foram iniciadas ainda em 2008, no primeiro semestre. A pista de pouso e decolagem foi ampliada. Já o terminal de passageiros está em fase de conclusão

De acordo com Bismarck Maia, as obras na pista foram concluídas, ampliando seu comprimento de 1,2 mil para 1,8 mil metros. A intervenção teve autorização por parte da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A Setur hoje aguarda a nova homologação da pista.

O terminal de passageiros, por sua vez, sofreu um atraso em no cronograma inicial de obras. A Setur precisou fazer um realinhamento de preços para a construção da coberta do equipamento, conforme ainda Bismarck. O secretário anunciou, também ontem, a retomada das obras neste setor do aeroporto.

A construção de um novo aeroporto em Aracati deve dar maiores condições para o desenvolvimento do turismo na região do Litoral Leste. De acordo ainda com Bismarck, o tamanho atual pista de pouso e decolagem permite o recebimento de qualquer avião hoje em operação no Brasil.

A nova pista de Aracati, por exemplo, tem extensão similar à pista do aeroporto Orlando Bezerra de Menezes, em Juazeiro do Norte, conforme informações da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

Voos em Aracati

O secretário Bismarck Maia também anunciou ontem os detalhes sobre as operações de pouso e decolagem para o novo aeroporto de Aracati.

De acordo com Bismarck, o terminal deve receber, ainda no verão, seus primeiros voos charters. Ele indicou que existe o compromisso de apoiar estes voos por parte da operadora turística CVC.

O aeroporto é localizado a aproximadamente 140 quilômetros de Fortaleza. Um dos destinos turísticos a serem explorados é Canoa Quebrada. Outras cidades do Litoral Leste, como Fortim Icapuí e Beberibe, também devem ter impactos positivos no setor turístico. O aeroporto também deve atender cidades da região do Jaguaribe.

PROJETO DO NOVO AEROPORTO

PISTA. A nova pista tem 1,8 mil metros de extensão e permite o recebimento de aeronaves de maior porte.

VOOS. A expectativa da Secretaria do Turismo (Setur) é ter os primeiros voos charters ainda este ano.

TERMINAL. O terminal de passageiros segue características da arquitetura local e deve dar conforto aos usuários.

E-Mais

O Índice de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) aponta que este ano, entre janeiro e julho, as passagens aéreas tiveram uma deflação de 16% em Fortaleza.

O IPCA-15 foi divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na sexta-feira. >Já no acumulado dos últimos 12 meses, em Fortaleza, as passagens aéreas sofreram uma inflação de 8,58%.

A maior deflação de passagens aéreas entre janeiro e agosto deste ano foi verificada em Brasília, com um percentual de -22,23%. Ao todo são pesquisadas 11 capitais.

Nos sete primeiros meses não houve percentuais positivos em nenhuma capital pesquisada pelo IBGE.

O percentual nacional foi negativo, de -13,06%. A menor deflação do período aconteceu em Porto Alegre: -4%


Fonte: O Povo

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001