21 de novembro de 2009 às 08h30m
Costa Negra em evidência

Cursos, workshops, mesas-redondas, palestras, festival gastronômico e shows integram a programação

Clique para Ampliar

O Evento incluirá festival gastronômico, quando chefs nacionais e internacionais apresentarão pratos de sabor inigualável que podem ser feitos com camarão
Foto: José leomar

Clique para Ampliar

A vida mansa de Acaraú ganhará nova rotina com a chegada de visitantes, atraídos pelo I Festival Internacional de Camarão

Clique para Ampliar

A carcinicultura estará em foco durante o festival internacional. A produção de camarão propicia oportunidades de negócios e geração de empregos na região


O Evento incluirá festival gastronômico, quando chefs nacionais e internacionais apresentarão pratos de sabor inigualável que podem ser feitos com camarão
Foto: José leomar

A vida mansa e tranquila da cidade do Acaraú, na Costa Negra, litoral Oeste do Ceará, ganhará uma movimentação atípica no período de 26 a 29 deste mês. Dois grandes eventos - o I Festival Internacional do Camarão da Costa Negra e o I Encontro do Arranjo Produtivo Local da Carcinicultura do Litoral Oeste - mudarão a rotina do lugar, atrairão visitantes e darão um novo ritmo à economia da região.

Com o foco no incentivo à carcinicultura (criação de camarão em cativeiro), os eventos discutirão uma atividade que vem se destacando no setor pesqueiro local e mundial por proporcionar inclusão social. Tanto que não é de hoje que a carcinicultura desponta como uma área da economia que propicia a criação de oportunidades para micro e pequenos empreendedores, além da geração de emprego e renda.

No litoral nordestino estão os maiores polos de produção de camarões em cativeiro. Além disso, entre os Estados nordestinos exportadores, o Ceará alcançou a posição de terceiro maior exportador nacional nos últimos anos. Segundo o Centro Internacional de Negócios do Estado do Ceará, a produção de camarão atingiu quase US$ 3 milhões até o último mês de setembro.

Beneficiamento

Como se não bastasse tudo isso, a produção de camarões em cativeiro é uma das maiores atividades da região denominada de Costa Negra, que fica a 250 km de Fortaleza e engloba os municípios de Acaraú, Cruz e Itarema. Atualmente, a área dispõe de 31 fazendas de engorda, um laboratório de produção de pós-larvas e quatro indústrias de beneficiamento para o processamento de pesca em geral.

A primeira edição do festival acontece na Fazenda Cacimbas, em Acaraú. O objetivo é proporcionar a interação, aprendizado e difusão de inovações tec-nológicas, visando à sustentabilidade socioeconômica e ambiental da região.

Compõem o público-alvo do evento engenheiros de pesca, empresários, professores, pesquisadores e profissionais ligados ao segmento. Constam na programação cursos, oficinas de capacita-ção, workshops, palestras, mesas-redondas, festival gastronômico e shows. Também reunirá produtores, técnicos, empresários e chefes de cozinha nacionais e internacionais, que apresentarão o que de melhor pode ser feito na culinária com o camarão.

Conforme os organizadores, o I Festival Internacional do Camarão trará para o Ceará o primeiro selo de indicação geográfica que denomina a origem do cultivo de crustáceo. O selo é emitido pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). Além de agregar valor ao camarão da Costa Negra, com a certificação os produtores ganham o reconhecimento do mercado.

O I Festival Internacional do Camarão é uma promoção da Prefeitura de Acaraú, dos governos de Cruz e Itarema e da Associação dos Carcinicultores da Costa Negra de Acaraú (ACCN).

Mais Informações:
I Festival Internacional do Camarão da Costa Negra e I Encontro do Arranjo Produtivo Local da Carcinicultura do Litoral Oeste
Período: de 26 a 29 deste mês
Local: Fazenda Cacimbas - Município de Acaraú - Litoral Oeste do Ceará
Telefones: (085) 3433.7684 e/ou 3433.7685
Sites: www.accn.org.br e/ou www.praticanet.com.br


Fonte: Diario on line

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001