23 de maio de 2022 às 08h18m
Dia Internacional da Biodiversidade: Conheça ações especializadas em defesa do meio ambiente do Ceará

O Dia Internacional da Biodiversidade, instituído em 1992 pela Organização das Nações Unidas (ONU), foi criado especialmente para refletirmos sobre a importância do nosso ecossistema, no intuito de conscientizarmos uns aos outros acerca do respeito para com o nosso planeta Terra e tudo que ele nos dá;

O Dia Internacional da Biodiversidade, instituído em 1992 pela Organização das Nações Unidas (ONU), foi criado especialmente para refletirmos sobre a importância do nosso ecossistema, no intuito de conscientizarmos uns aos outros acerca do respeito para com o nosso planeta Terra  e tudo que ele nos dá; sendo que de tudo que a mãe-natureza nos proporciona, a única coisa que ela pede em troca é amor, por meio do cuidado e de sua preservação.  No estado do Ceará, temos grandes defensores da natureza, que sempre estão de prontidão para lutar em prol do nosso ecossistema; sendo alguns deles as vinculadas que fazem parte da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS/CE). 

Nas vinculadas da SSPDS existem polícias especializadas em resgate de animais, na preservação do meio ambiente e na apuração de crimes ambientais. Elas são encontradas na Polícia Militar do Ceará (PMCE), na Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), no Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE), na Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) e na Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer).  

Para um policiamento ostensivo, a PMCE conta com o efetivo exclusivo do Batalhão de Polícia de Meio Ambiente (BPMA) para fazer patrulhamentos em áreas de interesse ambiental, resgates de animais em ambientes inadequados e outras ações voltadas a pessoas que cometem crimes ambientais. Na área de investigação, a PC-CE disponibiliza, em Fortaleza, uma unidade dedicada às apurações de crimes ambientais, que é a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA), além das unidades distritais, municipais, metropolitanas e regionais que apuram infrações penais em desacordo com a Lei de Crimes Ambientais.

Já em perícias ambientais, a Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) dispõe do Núcleo de Perícia e Engenharia Legal e Meio Ambiente (Nupelm), pertencente à Coordenadoria de Perícia Criminal (Copec). O setor analisa casos de ruptura de estruturas, incêndios, máquinas e diversos tipos de perícias ambientais, utilizando equipamentos, técnicas e cálculos para constatar danos e prejuízos. O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) atua tanto em situações de fiscalizações da zona costeira, prevenção e atuação em incêndios em vegetação como em resgates de animais sendo domésticos, exóticos e venenosos.  

Por fim, a Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), além de atuar na prevenção e repressão de crimes nos quatro cantos do Ceará, também age em ações de monitoramento de açudes, barragens, florestas, no combate a incêndios, no mapeamento de zonas urbanas para traçar políticas públicas que contribuam para a diversidade de espécies da fauna e flora nativas, bem como para população que depende do habitat natural para sobreviver. As missões da tripulação da Ciopaer incluem ainda monitoramento de recursos hídricos e resgate de pessoas vítimas de afogamentos e o salvamento de pessoas em áreas isoladas de difícil acesso.


Fonte: Governo do Ceará

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001