06 de maio de 2022 às 14h34m
Quadra chuvosa atinge média histórica no Ceará

De fevereiro a abril, o Ceará registrou um volume de cerca de 514 milímetros de chuva. De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a medida é a nova média histórica do período.

No Litoral de Fortaleza, foram registrados 884.2 milímetros, um valor 36,5% maior do que o esperado para a região. O aumento também foi notado no Maciço de Baturité, onde o volume de chuvas superou a marca média em 27,2%, elevando o valor atingido na região para 697.8 mm.

Nem todo o estado registrou esse aumento, pois as regiões do Litoral Norte, de Ibiapaba, de Jaguaribana do Sertão Central e de Inhamuns tiveram índices de chuvas abaixo do normal para o trimestre. Em Inhamuns, por exemplo, o volume pluviométrico foi de 376 mm.

Essa taxa classificou o período analisado como o segundo com menor quantidade de chuvas nos últimos cinco anos. Em maio, último mês da quadra chuvosa, as expectativas para o aumento do índice são baixas, pois esta época costuma ter precipitações mais escassas.


Fonte: O Estado

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001