03 de agosto de 2021 às 17h58m
Rede pública estadual ganha 1.031 novos professores após posse

Profissionais vão reforçar equipes de 549 escolas, em 155 municípios. Governador frisou: ““O professor tem a responsabilidade e o papel de transformar vidas”

Chamados na segunda convocação de aprovados do último concurso da Secretaria da Educação (Seduc), novos 1.031 professores da rede pública estadual de ensino tomaram posse nesta segunda-feira (2). A solenidade remota contou com a participação do governador, Camilo Santana, da secretária da Educação, Eliana Estrela, e de representantes dos profissionais.

A ação reafirma o compromisso do Governo do Ceará com a categoria. A convocação dos 160 aprovados restantes se dará de forma gradual, a partir de vacância, de forma a não ferir a lei federal 173/2020. Já está programada para este mês de agosto uma terceira convocação, com 60 vagas. O concurso tem vigência até março de 2023.

“O professor tem a responsabilidade e o papel de transformar vidas, de dar aos jovens a oportunidade de sonhar. Agradeço e parabenizo a todos os educadores pela bela missão que têm, de fazer do mundo um lugar melhor, por meio da formação de pessoas”, ressaltou o governador Camilo Santana aos empossados.

 

Atuação

Ao todo, 155 municípios cearenses receberão os professores da segunda convocação, que ficarão distribuídos em 549 escolas. O início do exercício profissional para os educadores está marcado para esta quarta-feira (4), com uma oficina pedagógica virtual promovida por cada Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede) e Superintendência das Escolas Estaduais de Fortaleza (Sefor).

Eliana Estrela enalteceu o esforço e a conquista dos aprovados no certame: “Sabemos da importância que é um concurso. Entendemos o quão difícil é passar noites estudando. Portanto, reconhecemos o mérito de cada um. É por meio da educação que se transforma a sociedade e que se constrói uma vida mais justa e mais digna. Esperamos os novos professores com muito desejo de avançar na educação e acreditamos no potencial de todos”.

Os professores empossados atuarão nas 13 disciplinas do Ensino Médio, mais a Língua Brasileira de Sinais (Libras). Além disso, exercerão atividades relacionadas à base diversificada do currículo, tais como: Projeto Professor Diretor de Turma; Núcleo Trabalho, Pesquisa e Práticas Sociais (NTTPS); disciplinas eletivas (nas Escolas Estaduais de Ensino Médio em Tempo Integral – EEMTI) e outros componentes curriculares.

Superação

Na solenidade, os professores Nathália Aureliano da Silva e Ronald Felipe Barreto de Sousa representaram os profissionais que ingressam na rede. Eles irão atuar, respectivamente, em Fortaleza e Icó. Ronald falou em nome dos colegas e destacou a realização de um sonho coletivo.

“Estamos entrando pela porta da frente da melhor educação pública do País e da melhor carreira do Brasil. Esta conquista é de todos nós. Foram muitas noites mal dormidas, muito esforço empreendido. Chegamos ao nosso objetivo, num concurso com mais de 55 mil inscritos. Somos um grupo seleto que sonhou, lutou e conquistou. Sonhamos em mudar o mundo no chão da escola, transformando a realidade dos estudantes, fazendo-os ver que a educação vale a pena. Nossa jornada só está começando, e queremos que seja a mais frutífera possível”, projeta o professor.

O presidente do Sindicato Apeoc, Anízio Melo, festeja a conquista para a categoria. “O Ceará é a luz para a educação do nosso País. E essa luz tem uma origem: o debate democrático, a negociação qualificada e a responsabilidade com a construção de uma educação pública de qualidade, tanto para quem ensina como para quem estuda. Parabenizo os nossos companheiros que estão chegando, vindos de vários estados para o Ceará. Nessa pandemia, comprovamos a importância da presencialidade e do professor no processo de ensino e aprendizagem. A chegada deles fortalece um projeto de transformação no Ceará”, considera.

O concurso foi constituído de três etapas: prova objetiva; prova prática e avaliação de títulos. Os procedimentos para posse serão realizados pelo professor nomeado, exclusivamente, no endereço eletrônico http://convocacaoconcurso.seduc.ce.gov.br. A frequência e o termo estão disponíveis na página.

Avanços

Durante a solenidade, Camilo Santana pontuou investimentos feitos na educação cearense durante o período da pandemia, com o objetivo de minimizar as perdas decorrentes do distanciamento social, a fim de dar continuidade ao avanço do processo de ensino e aprendizagem.

“A pandemia acelerou uma série de medidas do ponto de vista tecnológico. Estamos entregando tablets a todos os alunos do Ensino Médio do Ceará , assim como entregamos chips de acesso à internet com 20 Giga a cada um. Assim que ingressar na rede pública, o estudante vai receber os equipamentos e passar três anos com essas ferramentas digitais para complementar o aprendizado. Além disso, adquirimos kits de transmissão das aulas para todas as escolas e estamos licitando notebooks para os professores da rede estadual, para que todos possam estar interligados. Também, a partir de hoje, implantamos o tempo integral em mais 46 escolas, totalizando 50% da rede pública estadual funcionando em jornada ampliada”, salientou o governador.


Fonte: Governo do Ceará

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001