19 de novembro de 2020 às 06h45m
Exposições: Proenergia 2020 destaca desafios do setor elétrico no Ceará

O Proenergia 2020, teve início ontem, pela primeira vez realizado em formato online devido à pandemia da Covid-19. O evento é focado no panorama atual, oportunidades e desafios do setor, com espaço específico para rodadas de negócios e exposições, dando ampla visibilidade às empresas participantes.

A abertura do evento foi realizada pelo presidente do Sindicato das Empresas Prestadoras de Serviços do Setor Elétrico do Estado do Ceará (Sindienergia Ceará), Benildo Aguiar, que destacou o momento desafiador para o setor. “O momento que estamos vivendo atualmente é extremamente desafiador, porém, ao mesmo tempo, podemos ver que empresas adotaram posturas de inovação e conseguiram se destacar. Este é um momento em que todos precisam se ajudar para que o nosso hub de inovação consiga se desenvolver ainda mais e, assim, beneficiar as pessoas do nosso Estado com a criação de novos empregos e o aumento da economia local”, afirmou Benildo Aguiar.
A superintendente do IEL Ceará e gerente do Núcleo de Expansão Industrial (NEXI/FIEC), Dana Nunes, ressaltou a importância da discussão. “Mesmo em um momento tão singular, precisamos entender a importância de trabalharmos as conexões das empresas de energia, gerando oportunidades e atuando em processos inovadores para o nosso Estado, fechando cada vez mais parcerias de sucesso”, disse.


Pela manhã, o evento contou com a participação e apresentação de três empresários, como Yuri Frota, fundador da Sunne Energia Renováveis – plataforma de compartilhamento de créditos de energia solar, que permite economia na conta de energia, sem a necessidade de instalar qualquer equipamento ou investir, e de forma totalmente remota.

Inovações


Antônio Leal, fundador da GPC, também participou do Proenergia, e falou sobre o trabalho desenvolvido em sua empresa – voltado para o controle e previsibilidade sobre consumo e desperdício de água, energia e gás, utilizando indicadores de desempenho como base para tomada de decisões em busca da maximização dos resultados operacionais dos usuários.
Anderson Medeiros, CEO e fundador da Tradenergy, apresentou o trabalho de soluções em plataforma web e um aplicativo criado para conectar produtores de energia renovável possibilitando venda de créditos em energia a consumidores.


O analista técnico e gestor estadual do Comércio Varejista do Sebrae Ceará, Ivan Moreira, explicou que a instituição pode auxiliar pequenas empresas a melhorar e implantar um negócio de energia que consiga reduzir custos. Além disso, também traçou um panorama sobre as atividades econômicas que mais consomem energia no país, como indústrias, hospitais, shoppings, entre outros negócios.


Fonte: O Estado

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001