02 de outubro de 2020
Outubro Rosa: diagnóstico precoce e tratamento contra o câncer precisam continuar independente da pandemia

Durante a pandemia da Covid-19, muitas consultas, exames de rotina, tratamentos e até mesmo cirurgias, foram adiados devido aos riscos de contrair o novo coronavírus.

O alerta sobre o câncer de mama se destaca com a chegada do Outubro Rosa, sendo este o primeiro mês de campanha diante a uma pandemia. O Instituto Nacional de Câncer (Inca) estima quase 66 mil casos em 2020.

A Sociedade Brasileira de Mastologia Regional Ceará destaca os cuidados com o câncer de mama. O rastreamento e a continuidade do tratamento, são fundamentais para a cura. Neste ano de 2020, a Sociedade abraça como lema a frase “Quanto Antes Melhor”, em alusão à importância do diagnóstico precoce.

Dados apurados durante a pandemia mostram que a queda de atendimentos de pacientes com câncer de mama foi de 60% a 80% nos meses de março e abril, logo no início do isolamento social no Brasil. Conforme estatísticas disponibilizadas pela Sociedade Brasileira de Mastologia Regional Ceará, em março de 2019 foram realizadas 5.720 mamografias de rastreamento pelo SUS no estado. Em igual período deste ano de 2020 foram 3.358.

A presidente da SBM Regional Ceará, médica mastologista Aline Carvalho orienta que as mulheres acima dos 40 anos, na faixa etária preconizada para o rastreamento, mesmo que assintomáticas, não atrasem seus exames mamários. “O câncer não espera! Não dá pra esperar a pandemia passar para se cuidar”, afirma.

A SBM reforça que a pandemia pode ter deixado muitas mulheres sem diagnóstico. Fator preocupante, tendo em vista, que no ano passado a cobertura do SUS já foi considerada baixa. As mulheres necessitam retomar seus exames, sempre seguindo as medidas de segurança, principalmente no caso de notar um nódulo palpável. O ideal é não postergar e buscar um atendimento imediatamente para diagnóstico precoce.

Mês temático

O movimento “Outubro Rosa”, caracterizado pelo laço rosa, teve início nos Estados Unidos da América, onde o Congresso Nacional votou e aprovou lei estabelecendo outubro como o mês nacional de prevenção ao câncer de mama. A data tem abrangência mundial. Durante o mês, monumentos e prédios administrativos costumam serem iluminados pela cor rosa fazendo referência ao tema.


Fonte: O Estado

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001