30 de julho de 2020 às 11h06m
Projeto sugere realização de teste para comunidade escolar antes de retomada

Tramita na Assembleia Legislativa do Ceará (Alece) o projeto de indicação nº 89/20, de autoria do deputado Leonardo Araújo (MDB), que tenta obrigar a realização de testes diagnósticos do novo coronavírus para professores e funcionários de escolas públicas e privadas do Estado antes da retomada das aulas presenciais.

Tramita na Assembleia Legislativa do Ceará (Alece) o projeto de indicação nº 89/20, de autoria do deputado Leonardo Araújo (MDB), que tenta obrigar a realização de testes diagnósticos do novo coronavírus para professores e funcionários de escolas públicas e privadas do Estado antes da retomada das aulas presenciais.


O projeto é apresentado em meio a uma indefinição quanto à data para a retomada das atividades nas sedes das instituições. No plano de retomada da economia do Governo do Estado, instituições de ensino público e privado continuam aguardando a autorização para retomar as aulas, o que estava inicialmente previsto para ocorrer no final de julho – agora.
A proposta sugere a realização do teste RT-PCR, com regulamentação da aplicação pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesa), indicando a edição de resolução conjunta com a Secretaria de Educação do Estado (Seduc) para garantir o cumprimento.


Para Leonardo Araújo, a exigência para apresentação de testes negativos do vírus causador da pandemia da covid-19 é indispensável para a retomada das aulas, já que esse é considerado o modelo definitivo segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). “O retorno dos professores e funcionários das instituições de ensino, públicas e privadas, somente poderá ocorrer com a apresentação de teste negativo para a covid-19, sendo uma medida de segurança nesse processo, protegendo a população e contribuindo para conter a proliferação da doença”, justificou.
Por se tratar de projeto de indicação – e, portanto, sugestão –, cabe ao governo, se acatar, enviar a proposta em forma de mensagem para a apreciação da casa.


Fonte: O Estado

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001