07 de julho de 2020 às 14h11m
Agricultores cearenses têm R$ 601 milhões financiados pelo Plano Safra 2020/2021

Por meio das redes sociais, através do Youtube, o Banco do Nordeste apresentou os recursos voltados para agricultura familiar no Ceará pelo Plano Safra 2020/2021.

São R$ 601 milhões a serem investidos, sendo R$ 453 milhões para os agricultores familiares, por meio do Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar, e R$ 148 milhões voltados para o agronegócio.

Isso reflete em um aumento de 6,4% do valor repassado no ano passado, quando foram destinados R$ 564,5 milhões beneficiando mais de 69 mil produtores rurais.

Durante a transmissão, também foram destacados os produtos digitais, visando a agilidade cadastro, tomada de crédito, vistorias de equipamentos e desembolso de parcela.

Para o diretor técnico da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (Ematerce), Itamar Lemos, o uso da tecnologia é uma forma importante de desburocratizar as normas bancárias.

A Ematerce é uma vinculada da Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Ceará (SDA).

O Banco do Nordeste concentra 76% das linhas de crédito e negócios do setor da agricultura familiar no Ceará. O estado tem 7% dos recursos destinados às regiões do Nordeste, norte de Minas Gerais e Espírito Santo, previsto em R$ 8,26 bilhões.

O BNB aproveitou a reunião remota para divulgar o incremento de investimentos em programas, como: FNE Sol, a Agenda do Produtor Rural e o Cartão BNB Agro. Nelas, o produtor realiza todas as operações financeiras digitalmente.


Fonte: Governo do Ceará

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001