22 de junho de 2020 às 19h27m
Com protocolo finalizado, jogos do futebol cearense podem ser liberados a partir de 6 de julho

A proposta é para que haja antecipação da retomada das partidas e possa ocorrer liberação a partir do dia 6 de julho

O protocolo para a volta dos jogos de futebol no Estado do Ceará, visando a conclusão do Campeonato Cearense, foi concluído nesta segunda-feira, 22. A proposta é para que haja antecipação da retomada das partidas e possa ocorrer liberação a partir do dia 6 de julho, daqui a duas semanas, segundo o secretário do Esporte e da Juventude, Rogério Pinheiro.

Para haver a autorização da retomada dos jogos do Estadual, o protocolo deve cumprir trâmite até chegar nas mãos do governador Camilo Santana para aprovação. Inicialmente, a realização de partidas está prevista para ocorrer na quarta fase de retorno das atividades do futebol cearense, a partir do dia 20 de julho.

+ Ceará nega qualquer contato de Palmeiras sobre porcentagem em vendas futuras de Arthur

“Nossa proposta é verificar se é possível antecipar para a terceira fase os jogos das competições com portões fechados. A ideia é apresentar nesta semana ao grupo de trabalho da Casa Civil (que atua na retomada)”, explicou Rogério Pinheiro.

Com apreciação e aprovação do protocolo por parte do grupo de trabalho, o documento será enviado à Secretaria da Saúde e ao governador Camilo Santana, que pode determinar a antecipação das fases para a volta dos jogos. “Estamos trabalhando junto com a Federação, clubes e a Secretaria do Desenvolvimento e Trabalho, trocando informações e conversando, afinando para que seja seguro e exequível”, comentou o secretário.

+ Todos os jogadores do Fortaleza testaram negativo para Covid-19

O planejamento para a retomada dos jogos é ter o mínimo de pessoas nas arenas esportivas para execução das partidas. “Se nossa proposta for aprovada, o protocolo de retorno às competições poderia ser liberado a partir de 6 de julho. Essa é a intenção. Mas volto a ressaltar: a proposta será apresentar ainda ao grupo de trabalho para aprovar essa possibilidade”, concluiu.

Retomada aos treinos

Até o momento, apenas Ceará e Fortaleza já retomaram os treinos em seus centros de treinamentos desde a liberação do Governo do Estado, em 1º de junho. O Esportes O POVO verificou a situação dos demais seis times e apenas o Pacajus ainda não definiu quando testará atletas e retornará aos treinos. Isso porque o clube quer trabalhar exatos 15 dias antes da única partida que tem pela frente e ainda não há data certa para o Campeonato Cearense recomeçar.

Os testes para a Covid-19 do Atlético-CE foram programados para este segunda-feira, 22. O centro de treinamento da equipe já passou pela higienização e a diretoria disse que só não iniciou os trabalhos antes porque aguardava o protocolo da mentora.

Nos dias 25 e 26, Ferroviário e Guarany devem submeter seus jogadores e funcionários aos exames. No caso do time de Sobral, no entanto, a assessoria de imprensa admite que os planos ainda podem mudar (postergar).

O Barbalha fez uma parceria com o União, time da segunda divisão cearense, e vai usar um grupo de jogadores emprestados. O presidente em exercício da Raposa dos Verdes Canaviais, Roberto Macedo, disse que os trabalhos começam dia 1º de julho, mas não soube precisar se os testes serão feitos a partir desta data ou antes.

Por último, o Caucaia marcou data para a testagem do elenco. Será no dia 3 de julho, também com o auxílio da Federação. Segundo o clube, a mentora do futebol cearense forneceu 30 testes.

Além da FCF, que prometeu custear os testes para os clubes sem calendário nacional, o Ceará se disponibilizou a doar testes da Covid-19 para os demais clubes do Estadual, por meio de uma parceria com uma cooperativa de atendimento pré-hospitalar.


Fonte: O Povo

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001