19 de maio de 2020 às 07h03m
Vereadores destinam R$ 55 milhões contra a covid-19

A Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor), até o momento, destinou aproximadamente R$ 55 milhões para o enfrentamento ao novo coronavírus desde que os primeiros casos foram confirmados na Capital, em março deste ano

As contribuições incluem verbas de emendas parlamentares e de parcelas dos salários dos vereadores que integram a casa e foram destinadas a ações emergenciais de combate à pandemia no município.


Na última sessão extraordinária virtual da Câmara, que aconteceu no último dia 6, os vereadores autorizaram o uso de R$ 48 milhões, referentes às emendas parlamentares, para o Fundo Municipal de Saúde e o Instituto Dr. José Frota (IJF). A medida foi aprovada por meio de emenda aditiva ao Projeto de Lei nº 25/2020, que fortaleceu o orçamento municipal para enfrentar a covid-19.


Já as doações provenientes dos salários dos vereadores foram viabilizadas a partir de reunião do Colégio de Líderes realizada no mês passado, com participação dos vereadores Esio Feitosa (PSB), Plácido Filho (PSDB), Iraguassú Filho (PDT), Larissa Gaspar (PT), Libânia (PL), Evaldo Lima (PCdoB), Cláudia Gomes (DEM), Idalmir Feitosa (PSD), Casimiro Neto (MDB), Kátia Rodrigues (Cidadania), Emanuel Acrízio (vice-líder – PP), Odécio Carneiro (SD). “É uma importante medida para a Câmara Municipal continuar contribuindo para o fim dessa epidemia. Vamos normatizar essas doações, por desconto de salários, através de Ato da Mesa Diretora”, explicou, à época, o presidente da casa, Antônio Henrique (PDT).


Montantes
Em março, o presidente da CMFor já havia repassado R$ 7 milhões para os cofres da Prefeitura de Fortaleza com o objetivo de auxiliar o tratamento de pacientes com a doença na Capital. O valor, conforme divulgado, foi arrecadado a partir de economias realizadas pela atual gestão. “Estamos vivendo um momento difícil na saúde em Fortaleza e entendemos que precisamos agir em conjunto com os demais poderes para superar essa pandemia. Todos os vereadores têm contribuído para garantir celeridade na aprovação de medidas contra a covid-19 e também auxiliando, como podemos, no enfrentamento ao coronavírus”, destaca ele.


Além disso, os vereadores também doaram, em abril, R$ 82 mil provenientes dos próprios salários para o Fundo Municipal de Saúde, com o objetivo de garantir a compra de mais equipamentos de proteção individual (EPIs) aos profissionais de saúde da rede municipal. Ainda antes disso, em março, parte dos salários dos parlamentares foram destinados para a compra cestas básicas destinadas a trabalhadores autônomos que estavam impedidos de trabalhar devido ao decreto de quarentena. A Câmara Municipal arrecadou, ao todo, 17 toneladas de alimentos para o movimento Supera Fortaleza. O repasse voluntário de parte dos salários deve permanecer até o fim do período da pandemia.


Em meio a isso, a Frente Parlamentar de Enfrentamento ao Coronavírus da CMFor acompanha as ações emergenciais implementadas no município, incluindo os investimentos destinados para cada ação. O grupo também é responsável por encaminhar as demandas de todos os demais vereadores sobre a covid-19 para serem deliberadas junto ao Comitê Municipal que trata do tema.


Fonte: O Estado

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001