11 de fevereiro de 2020 às 15h40m
Governador nomeia os 96 aprovados em concurso da Secult

O governador Camilo Santana nomeou, nesta segunda-feira (10), os aprovados no concurso público para servidores de carreira da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult).

O Estado do Ceará tem uma história de pioneirismos na política cultural que começa com a própria criação da Secretaria da Cultura. Instituída em 1966, foi a primeira secretaria da Cultura do Brasil, criada antes mesmo do Ministério. Temos a real dimensão da importância da cultura para o desenvolvimento social, econômico, humano e sustentável do Estado do Ceará. Desejo boa sorte e bom trabalho aos novos servidores”, afirmou Camilo.

O secretário da Cultura, Fabiano dos Santos Piúba, ressaltou o fato de a Secult ter sido contemplada pela primeira vez com um concurso para servidores. “O governador Camilo assumiu o compromisso de fazer o concurso público ainda no seu plano de governo e assim, fizemos. Serão 96 profissionais que, daqui a 30 dias, já integrarão os quadros da Secult”.

Após 54 anos de existência, o concurso da Secult se constitui numa conquista histórica e cumpre a Meta 2 da Lei do Plano Estadual de Cultura, aprovado em 2016. Com a nomeação, a Secult contará com uma ampliação do quadro de pessoal com os seguintes cargos de 53 Analistas de Cultura, atendendo as áreas de dança, teatro, cinema e audiovisual, música, letras, filosofia, pedagogia, comunicação social e mídias sociais; 17 Bibliotecários, 10 Historiadores, 3 Arquivistas, 4 Museólogos, 2 Antropólogos, 2 Sociólogos e 5 Analistas de Patrimônio, incluindo 2 Arquitetos; 2 engenheiros civil e 1 analista de Conservação e Restauro).

A partir da nomeação, os 96 aprovados no concurso, conforme resultado homologado pelo Edital deverão se apresentar no prazo de até 30 dias para a Posse e Exercício.

Clique aqui para conferir o DOE

 


Fonte: Governo do Ceará

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001