27 de janeiro de 2020 às 07h02m
Grupo de 20 crianças e adolescentes de Cedro participam de passeio turístico no Cariri

Ação é parte da programação da Colônia de Férias do Serviço de Convivência de Fortalecimento de Vínculo (SCFV), mantido pela Prefeitura de Cedro e Secretaria do Trabalho e Assistência Social

A primeira parada foi na marcante paisagem pelo geossítio Ponte de Pedra, em Nova Olinda, com bela panorâmica da chapada do Araripe. Participaram do grupo guiado pelos orientadores sociais Matielli Viana, Irismar Vieira, Jarberson de Jesus e Claudiomar Correia e mais 20 crianças e adolescentes. Além dos principais pontos turísticos de Nova Olinda, os visitantes conheceram o Museu de Paleontologia Plácido Cidade Nuvens, em Santana do Cariri.

 

Desde que assumiu a gestão municipal, o prefeito Dr. Nilson Diniz tem desenvolvido ações interativas fora do município, com visitas e passeios envolvendo grupos assistidos pelo CRAS, CREAS e SCFV. "Prestar assistência aos cidadãos também é proporcionar-lhes a oportunidade de um lazer digno, como demonstrado nessa viagem. A região Centro-Sul e Cariri possuem interessantes pontos turísticos naturais e religiosos para ser visitados".

 

Para a secretária do Trabalho e Assistência Social Luciana Vieira, os passeios também fomentam a educação histórica e social dos assistidos. "Além do maravilhoso passeio, os participantes aprendem sobre o histórico da nossa terra. Ao retornarem, todos se divertem nas atividades educativas sobre as visitas".

 

Ponte de Pedra

O Cariri é cercado de formações rochosas, a exemplo da Pedro da Ponte, que serviu de trilha para antigas populações, tanto índios como vaqueiros que colonizaram a região. Recebe esse nome por conta da formação rochosa que cobre o riacho formada com o passar do tempo, e pela ação da água.

 

Museu de Paleontologia

Conhecer o acervo de peças do período cretáceo fez parte do roteiro da visita, que apresentou aos participantes fósseis de dinossauros, pterossauros, lagartos, peixes, tartarugas, rãs, mosquitos, libélulas, aranhas, borboletas, escorpiões, plantas e troncos silicificados. A fossilização se deu pelas mudanças climáticas e geológicas ocorridas na terra ao longo de eras e períodos, deixando o solo com alto teor de salinidade e o ar com pouca presença de oxigênio.

 
Outros passeios do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS I e II) e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) estão agendados para a região do Cariri.

 


Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001