23 de janeiro de 2019 às 07h20m
Honda PCX 150 2019 chega ao Brasil com ABS por R$ 12.990

Scooter mais vendido do país passa por maiores mudanças de sua história e ganha nova geração. Versão de entrada, com CBS, custa R$ 11.620.

 

O Honda PCX 150, scooter mais vendido do Brasil, teve sua nova geração lançada no Brasil nesta terça-feira (22). Além de visual renovado, o modelo ganhou nova suspensão traseira, painel digital e agora passa a contar com freios ABS nas versões mais caras.

Veja os preços do PCX 150 2019:

  • PCX 150 CBS: R$ 11.620 (custava R$ 11.272) - prata metálico e azul perolizado
  • PCX DLX ABS: R$ 12.990 (custava R$ 11.778) - branco perolizado
  • PCX Sport ABS: R$ 12.990 (custava R$ 11.778) - prata metálico

Lançado em 2013 no país, o modelo vendeu mais de 133 mil unidades no mercado brasileiro. O novo visual do scooter já havia aparecido na Ásia no final de 2017, seguindo as mudanças também vistas no PCX híbrido e no elétrico.

Ele ficou um pouco mais curto, passando de para 1.931 mm para 1.923 mm, e também está mais largo, com 745 mm contra 737 mm da versão anterior.

A Honda reforçou sua presença no segmento de scooters no final do ano passado, com o lançamento do Elite 125. Para 2019, a montadora também planeja novidades em motos de alta cilindrada e vai apresentar a nova geração da CB 1000R.

Veja as novidades do PCX 150

  • ABS para as versões DLX e Sport
  • Nova suspensão traseira
  • Pneus mais largos
  • Painel digital
  • Visual totalmente renovado
  • Iluminação de LED e luz de condução diurna
  • Chave "inteligente" presencial nas versões DLX e Sport

Ao olhar a dianteira do PCX é possível ver a sua principal mudança estética. Apesar de o modelo como um todo manter a já conhecida identidade, o novo farol dianteiro tem uma recorte entre a parte de cima de baixo.

O modelo também passa a contar com sistema de iluminação de LED e o painel digital é novo com tela de LCD.

ABS nas versões mais caras

Se equiparando ao principal rival, o Yamaha NMax 160 (R$ 12.390), o PCX passa a contar no modelo 2019 com freios ABS, mas apenas nas versões mais caras DLX e Sport. Mas também continua oferecendo a versão de entrada com freios combinados (CBS).

Outro diferencial para DLX e Sport é a chegada da chave "inteligente" presencial (Smart Key System), que já foi vista no SH 150i e SH 300i. Com ele, não é preciso usar a chave para girar a ignição antes de ligar o modelo.

Suspensão traseira renovada

A Honda também fez mudanças na suspensão traseira do modelo. Os amortecedores receberam nova calibragem e 3 estágios de regulagem na tensão da mola. Além disso, os pontos de ancoragem dos amortecedores ao chassi e balança de suspensão foram modificados.

O modelo teve alterações nas dimensões dos pneus, que agora estão mais largos. As medidas passaram a ser 100/80-14 na dianteira e 120/70-14 na traseira (anteriormente 90/90-14 e 100/90-14). Além disso, as rodas ganharam novo desenho com 8 raios - antes, eram 5 raios.

Motor segue o mesmo

Como base, o PCX 150 continua com o mesmo motor de 1 cilindro e 149,3 cc de cilindrada. Movido à gasolina, ele rende 13,2 cavalos a 8.500 rpm e 1,38 kgfm de torque a 5.000 rpm.

De acordo com a montadora, o modelo pode fazer um consumo urbano de até 47,5 km/l. Seu câmbio é automático do tipo CVT e o tanque leva 8 litros de combustível.

 


Fonte: autoesporte.com

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001