22 de fevereiro de 2018 às 10h45m
Aeronáutica abre 822 vagas para prestação de serviço militar temporário

São 801 vagas para sargentos técnicos e 21 vagas para sargentos controladores de tráfego aéreo.

A Aeronáutica abriu dois concursos públicos para o total de 822 vagas de voluntários para prestação do Serviço Militar Temporário (até oito anos).

São 801 vagas para sargentos técnicos e 21 vagas para sargentos controladores de tráfego aéreo.

Sargentos técnicos

As vagas são para as seguintes especialidades: administração, arrumador, cozinheiro, eletricidade, eletromecânica, eletrônica, enfermagem, informática, laboratório, mecânico de aeronaves, motorista, motorista-bombeiro, obras, pavimentação, processos fotográficos, produção de áudio e vídeo, radiologia, saúde bucal e topografia. Os requisitos específicos dependem da especialidade pleiteada pelo candidato.

O candidato deve ter menos de 45 anos de idade até 31 de dezembro de 2018; ter concluído o ensino médio até a data inicial do período de inscrição; possuir os requisitos específicos para a especialidade a que está concorrendo; e possuir, no máximo, na data da incorporação, o total de sete anos de serviço público.

As inscrições devem ser feitas de 5 a 23 de março nas organizações militares das seguintes cidades: Belém (PA), Alcântara (MA), Anápolis (GO), Brasília (DF), Canoas (RS), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Santa Maria (RS), Boa Vista (RR), Eirunepé (AM), Manaus (AM), Porto Velho (RO), São Gabriel da Cachoeira (AM), Fortaleza (CE), Parnamirim (RN), Recife (PE), Salvador (BA), Rio de Janeiro (RJ), Barbacena (MG), Lagoa Santa (MG), Campo Grande (MS), Guaratinguetá (SP), Pirassununga (SP), Santos (SP), São José dos Campos (SP) e São Paulo (SP). Os endereços estão no edital.

Após o deferimento da inscrição, os candidatos passarão por etapas de classificação na avaliação curricular; comparecimento na concentração inicial; entrega dos exames, avaliações e laudos médicos; aprovação na inspeção de saúde; concentração final e habilitação à incorporação.

Após a incorporação dos candidatos nas localidades dos destacamentos, os convocados serão declarados Terceiros-Sargentos, incluídos no Quadro de Sargentos da Reserva de 2ª Classe Convocados (QSCon), e vão realizar o Estágio de Adaptação de Praças, que se destina a adaptar e preparar os incorporados às condições peculiares do Serviço Militar Temporário e ao exercício das demais atividades militares concernentes às áreas profissionais em que atuarão no âmbito do Comando da Aeronáutica.

 

Controladores de tráfego aéreo

A Aeronáutica abriu ainda 21 vagas para profissionais de nível médio, na área de controle de tráfego aéreo. As vagas são para os Destacamentos de Controle do Espaço Aéreo (DTCEA) de Manaus (AM), Belém (PA), São Luís (MA) e Confins (MG).

Para participar, é necessário ter formação técnica em informática, computação gráfica, informática para internet ou rede de computadores. Os candidatos deverão apresentar certificados ou diplomas em um desses cursos, expedidos por instituição credenciada pelo Conselho Nacional de Educação, com carga horária mínima de 1.000 (mil) horas.

O candidato deve ainda ter menos de 45 anos de idade até 31 de dezembro de 2018; ter concluído o ensino médio até a data inicial do período de inscrição

As inscrições devem ser feitas de 5 a 23 de março nas organizações miliares de Belém (PA), São Luís (MA), Manaus (AM) e Confins (MG). Os endereços estão no edital.

O processo seletivo ocorrerá por meio de avaliação curricular realizada pela Diretoria de Administração do Pessoal. Inicialmente, será realizada a convocação para incorporação dos candidatos nas localidades dos destacamentos. Em seguida, os candidatos passarão por avaliação da produção oral em língua inglesa realizada pelo Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea).

Os convocados serão classificados no Quadro de Sargentos da Reserva de 2ª Classe Convocados (QSCon), com previsão inicial para incorporação em 14 de maio de 2018.

A capacitação inclui as seguintes etapas: adaptação à atividade militar e o curso de controlador de tráfego aéreo no Instituto de Controle do Espaço Aéreo (ICEA), para adaptação à atividade funcional.


Fonte: g1.com

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001