28 de abril de 2016 às 11h30m
Prefeitura de Fortaleza inaugura CRAS no bairro João XXIII

O equipamento é referência para 11.549 famílias, beneficiando também os bairros Henrique Jorge, Jóquei Clube e Bom Sucesso.

O CRAS faz a integração das políticas públicas municipais oferecidas para a
Crédito: Marcos Moura

A Prefeitura de Fortaleza inaugurou, nesta quinta-feira (28/04), o 27º Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) da cidade, no bairro João XXIII, da Regional III. O equipamento será referência da rede socioassistencial para 11.549 famílias, atendendo também a população dos bairros Henrique Jorge, Jóquei Clube e Bom Sucesso.

Segundo o prefeito Roberto Cláudio, o CRAS é um local que faz a grande integração entre todas as políticas públicas sociais municipais para as comunidades. “Aqui dentro, a gente assiste ao beneficiário do Bolsa Família, vamos ofertar cursos de qualificação, acolher famílias com jovens dependentes químicos precisando de uma referência para o internamento, ter projetos para a terceira idade, acolher mulheres e crianças vítimas de abuso. Esse é um equipamento não só para prestar serviços diretamente à população mais carente, mas também para referenciar essa população para outros serviços que a Prefeitura oferece. A ideia é dar assistência, uma mão amiga, para as pessoas que vivem uma situação de maior vulnerabilidade”, afirmou.

O Prefeito reforçou que a meta é inaugurar 40 equipamentos o tipo até o fim da gestão. “Esse é o nosso objetivo para, aí sim, termos suficiência, boa estrutura, fôlego e pessoal para atender com dignidade e conforto toda a população necessitada de Fortaleza”, destacou.  No início da gestão, Fortaleza tinha 23 CRAS.

O novo equipamento atende as orientações técnicas do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), oferecendo conforto e comodidade para os usuários dos equipamentos, além de condições adequadas de trabalho para os profissionais. A equipe do CRAS é multiprofissional, incluindo assistente social, psicólogo, pedagogo, educadores sociais, entre outros profissionais.

A estrutura do local é composta por uma sala de espera, coordenação, recepção, duas salas de atendimento técnico, sala de reuniões, sala do Cadastro Único, cozinha, refeitório, despensa, duas salas de atendimento individual, três salas de Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, sala para equipe técnica, sala para educadores sociais, auditório, biblioteca, brinquedoteca, almoxarifado, seis banheiros e espaço multiuso.

Conforme o titular da Secretaria de Trabalho, Desenvolvimento Social e Combate à Fome (Setra), Cláudio Ricardo, mais de 7 mil famílias do bairro João XXIII serão referenciadas pelo equipamento. “Nós queremos conjugar aqui as três políticas da Setra, trazendo também cursos de qualificação profissional, as ofertas de emprego dos Sines Municipais e a política de segurança alimentar e nutricional. O papel do CRAS é levar a política da assistência social para a população, referenciando o território, a família e as mulheres, especialmente. Esses equipamentos vêm justamente para as áreas de maior vulnerabilidade, onde o poder público deve chegar. Essa área estava desassistida, sem cobertura, de modo que o equipamento supre esta necessidade”, declarou.

A entrega do CRAS João XXIII dá continuidade ao pacote de reforço e melhorias previsto para os equipamentos da Assistência Social de Fortaleza. Entre os meses de outubro e novembro de 2015, o CRAS Vila União e o CRAS Canindezinho foram entregues totalmente reformados à população. Também foi reformado e inaugurado, em janeiro deste ano, o CRAS Mucuripe. Já o CRAS Palmeiras está com a reforma em andamento, e o novo CRAS Aracapé, em construção.

Para Fátima Leandro, 61, moradora do João XXIII há mais de dez anos, o CRAS é muito importante para o bairro. “Esse prédio tinha parado de funcionar e agora vai voltar. Isso é maravilhoso, principalmente para os idosos. Também é bom para a comunidade em geral, que passa a ter um atendimento mais adequado, em um lugar certo”, disse.

A costureira Ana Vládia, 36, é moradora do bairro Henrique Jorge, que também será beneficiado com o equipamento. “O CRAS agora fica mais próximo da gente, que não precisa mais ficar se deslocando para outra Regional em busca dos serviços ofertados aqui. A gente agora tem ao nosso alcance uma série de benefícios, como o Bolsa Família, a possibilidade de se inscrever para programas do Governo. Facilita bastante”, afirmou.

Na ocasião, o Prefeito também anunciou que encaminhará a pavimentação, sinalização e iluminação das ruas do entorno do equipamento até o fim de maio.

Distribuição
Os CRAS são distribuídos por seis Secretarias Regionais, onde são realizados encaminhamentos à rede socioassistencial, atendimentos individuais, atendimento do Cadastro Único, visitas domiciliares e institucionais, oficinas de convivência e de trabalho socioeducativo, apoio e acompanhamento familiar, entre outros serviços.

Localizados em áreas de vulnerabilidade social, os equipamentos atuam com famílias e indivíduos em seu contexto comunitário, visando à orientação para o fortalecimento dos convívios sociofamiliar e comunitário.


Fonte: Prefeitura Municipal de Fortaleza

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001