05 de fevereiro de 2015
Prefeitura de Fortaleza inaugura Centro de acolhimento para crianças e adolescentes

Com a nova unidade, localizada no bairro de Fátima, o município totaliza 60 vagas em abrigos para esse público

Segundo Carol Bezerra, a nova unidade de abrigo oferece às crianças e adole
Crédito: Kaio Machado

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria de Trabalho, Desenvolvimento Social e Combate à Fome (Setra), inaugurou o novo centro de acolhimento para crianças e adolescentes nesta quarta-feira (4/12). Com a nova unidade, que disponibilizará 20 vagas e está localizada no bairro de Fátima, o município totaliza 60 vagas em abrigos para esse público. O equipamento oferece o acolhimento a bebês, crianças e adolescentes de 0 a 18 anos, que se encontram em situação de vulnerabilidade social, em razão de estarem com vínculos familiares fragilizados ou rompidos.

De acordo com a primeira-dama de Fortaleza, Carol Bezerra, o equipamento vai oferecer aos jovens atividades de diversos tipos. “Na casa vão ser feitas atividades de artes, esportes para integrar as crianças da melhor forma. Com certeza, a Prefeitura tem esse compromisso com a infância como um todo. Como elas estão em extrema vulnerabilidade, a gente dá um apoio ainda maior”, contou.

A Primeira-Dama disse ainda que a ideia é que as crianças e adolescentes retornem às suas famílias. “Priorizamos sempre que a criança volte para sua família. Se o pai ou mãe não tem condição de receber o jovem, procuramos sempre um parente mais próximo. Além de fazermos todo um trabalho também com a família para que possa recebê-lo de volta”, acrescentou.

Para o secretário da Setra, Cláudio Ricardo, além de uma estrutura adequada para as crianças e adolescentes, é necessário haver um trabalho para reaproximar os jovens às famílias. “Estamos ampliando os locais de acolhimento para garantir um espaço de qualidade e padrão conforme a crianças merecem. Aqui, temos não só as condições de infraestrutura, de alimentação e espaço agradável, temos também uma equipe de profissionais de referência que cuidam do aspecto psicológico, pedagógico e social das crianças. Este trabalho de reaproximação dos vínculos familiares é fundamental para que as crianças que sofreram constrangimentos e abusos tenham um equilíbrio de sua função como criança e um crescimento sadio”, explicou.

A nova unidade de abrigo oferece às crianças e adolescentes um ambiente agradável, educativo e seguro, para o resgate dos valores básicos da convivência familiar. São concentrados esforços para a reconstituição do vínculo familiar, por meio das visitas domiciliares, do acompanhamento familiar e da promoção de oportunidades de convivência. É realizado, sobretudo, um trabalho em conjunto com os demais órgãos encarregados da execução das políticas sociais do Município, pela inclusão da família em todos os serviços e programas que forem necessários, pelo tempo que for necessário.

O espaço conta com três quartos, um berçário, seis banheiros, sendo um adaptado para deficientes físicos, sala de estar, cozinha, refeitório, área externa, brinquedoteca e campinho para prática de esportes. Para acompanhar as crianças e adolescentes, o centro disponibiliza de equipe multiprofissional de 19 profissionais, incluindo psicólogo, assistente social, auxiliares administrativos, supervisor, coordenador, educadores e cuidadores.

O ingresso das crianças e adolescentes no abrigo ocorrerá via Conselho Tutelar (nas situações emergenciais) ou via Juizado da Infância e da Juventude. Na chegada, as crianças e adolescentes serão recebidos pelo educador social, com imediata comunicação do fato à Coordenação e, em seguida, mediante ofício, ao Juizado da Infância e da Juventude.

De acordo com o secretário da Setra, atualmente, Fortaleza conta com três espaços destinados às crianças e adolescentes, localizados no Henrique Jorge, Centro e Bairro de Fátima. “Estamos com uma chamada pública para um outro espaço com mais 20 vagas, que totalizará 80 vagas em Fortaleza”, disse.


Fonte: Prefeitura Municipal de Fortaleza

Compartilhar
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001