29 de dezembro de 2020 às hm
DEPOIS DO TRE DESEMBARGADORA NAILDE AGORA VAI DIRIGIR O TJ/CE

 

 

 

 

 

Isso mesmo. O Tribunal de Justiça do Estado (TJCE) elegeu na tarde do último dia 24 de Setembro/2020, a desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira para a presidência do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará, com mandato de dois anos, a partir de Fevereiro de 2021. Igualmente foram eleitos vice-Presidente e Corregedor-geral da Corte, os desembargadores Abelardo Benevides e Paulo Airton Albuquerque Filho. Dra. Nailde (Foto), conhecida militante da Justiça no Ceará, pois, foi advogada militante, juíza de Direito e chegou ao cargo máximo na carreira, a desembargadoria, será a terceira mulher a exercer a direção da Corte de Justiça na história do Estado. Antes, apenas as desembargadoras Àguida Passos (de 1999 a 2001) e Iracema Vale (de 2015 a 2017) haviam ocupado o cargo com vasta experiência no mundo jurídico e da própria Justiça, afora inúmeros outros cargos, a conhecida, competente e querida Dra. Nailde já presidiu o Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Ceará, o TRE.

O QUE PROMETE- Ao falar para os colegas e para a imprensa, de forma virtual, após a consagração do resultado da votação, a futura Presidente do TJCE, assim se expressou: "Minha gestão também será pautada pela busca da harmonia com os demais poderes e com o compromisso por um Judiciário mais forte", enfatizou Dra. Nailde.

SAIBA MUITO MAIS- Para chegar ao resultado já mencionado, havia entendimento prévio pela eleição dos nomes dos queridos desembargadores. Para Presidente, Nailde recebeu 41 votos de 43 possíveis, enquanto Abelardo Benevides obteve 42. Os votos restantes foram em branco. A dúvida estava por conta do cargo de Corregedor-geral, único com concorrência posta. O desembargador Paulo Airton Albuquerque Filho recebeu 28 votos, 14 a mais que o colega Emanuel Leite Albuquerque.

TRANSPARENTE- Outro aspecto importante da primeira fala da futura Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará, Dra. Nailde Pinheiro: "Vou prezar por uma gestão transparente e participativa, voltada aos interesses da sociedade cearense". Com 34 anos dedicados à magistratura cearense, a desembargadora destacou a atuação dela no exercício da vice-presidência do próprio Tribunal, bem como a experiência adquirida como presidente que foi do TRE, Tribunal Regional Eleitoral. Fez questão de enfatizar: "Serão experiências que recorrerei durante minha gestão à frente deste Tribunal".

DESAFIOS- Reconheceu a futura Presidente da principal Corte da Justiça Cearense, a partir de Fevereiro do ano que vem, que: " Um dos grandes desafios será prosseguir com a melhores pontos da atual gestão, no que diz respeito aos processos de trabalho envolvidos, sobretudo diante de um cenário fiscal que se anuncia desafiador".

O VICE-PRESIDENTE- Em seu discurso, após consagrado pelos colegas como o próximo vice-Presidente do TJCE, o desembargador Abelardo Benevides fez um apelo aos próprios colegas: "Que nós possamos nos unir e nos despir de vaidades para aperfeiçoar e trabalhar juntos pela elevação do nível da Instituição aos olhos da sociedade".

PAULO AIRTON- A exemplo dos anteriores já mencionados na reportagem, o Corregedor-geral eleito, Dr. Paulo Airton também falou e disse que promoverá atuação participativa e em " sintonia com a presidência e vice e, que nenhuma decisão importante será tomada de forma apertada".

ATUAL GESTÃO- O atual presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará, desembargador Washington Araújo, citou a importância do Programa de Modernização do Judiciário (Promojud) para continuidade da melhora de desempenho. "Com o Promojud, que serão recursos destinados para modernização do tribunal, seremos referência nacional", afirmou. E o atual Procurador-geral de Justiça, Dr. Manuel Pinheiro, destacou o papel do Judiciário bem um momento de "acirramento das ideias e das disputas" no Brasil. Foi pragmático: "A sociedade nunca necessitou tanto do Poder Judiciário como agora. Vivemos momento de grandes conflitos econômicos, políticos e sociais.E o poder Judiciário é fundamental para que possamos resgatar os laços que nos unem como povo, como nação", disse Pinheiro.

 




COMPARTILHAR




Mais - Coluna do Viana

  1. 25.01.2021Segunda DEPUTADO QUER MAIS APOIO PARA COMBATE AO SUICÍDIO
  2. 21.01.2021Quinta DEPUTADO LEONARDO ARAÚJO LAMENTA MORTE DE MESQUITA
  3. 20.01.2021Quarta NOVIDADES DA NOVA GESTÃO ADMINISTRATIVA EM ITAPIPOCA
  4. 19.01.2021Terça GOVERNO DO ESTADO INVESTE NA MELHORIA DAS ESTRADAS
  5. 18.01.2021Segunda EX-PREFEITOS DISPUTAM VAGAS NA ASSEMBLEIA
  6. 15.01.2021Sexta GUIMARÃES E A LIÇÃO DAS ELEIÇÕES DE 2020
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001