02 de agosto de 2018 às hm
DESTAQUE POLITICO

Fernando Hugo destaca necessidade de reforma previdenciária

O deputado Fernando Hugo (PP) defendeu, quarta-feira (01/08), a inclusão da reforma da Previdência no Brasil nos debates dos candidatos ao Executivo. Segundo ele, o assunto deve ser prioridade, sob pena de “uma insolvência no tesouro nacional”.

“O próximo presidente da República terá sobre o seu lombo uma problemática inescapável, que expressa a real necessidade de debates e programação que é o tema da Previdência do Brasil”, disse. Para ele, não discutir o tema representa “um ato irresponsável e uma tentativa de enganar o povo”.

O assunto foi abordado pelo editorial “Mudanças Demográficas”, publicado pelo jornal Diário do Nordeste. Segundo o parlamentar, a matéria traz a necessidade de a classe política discutir o futuro do sistema previdenciário do País, com base nas novas projeções demográficas divulgadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Ely Aguiar critica postura 'omissa' de boa parte dos colegas ante a violência

O deputado Ely Aguiar (PSDC) classificou muitos de seus colegas na Assembleia Legislativa como “omissos” diante da violência presente no Estado.

O parlamentar se disse envergonhado com a postura de grande parte dos deputados que, para ele, vem se evitando entrar na discussão sobre a crise de violência instalada no Ceará. “Acabou a paz das nossas famílias, estamos praticamente em guerra e não se toca neste assunto aqui. É uma falta de respeito com a população”, apontou

Ely Aguiar recordou os episódios violentos acontecidos nos últimos cinco dias em Fortaleza, citando a fuga em massa de detentos, ataque a prédios públicos e o incêndio de 15 ônibus. “As pessoas estão apavoradas.

Roberto Mesquita lamenta crescimento da insegurança no Ceará

O deputado Roberto Mesquita (Pros) lamentou, a crescente insegurança no Ceará. Segundo o parlamentar, o Estado está vivendo uma onda de violência, com ônibus sendo queimados e pessoas com medo de sair de casa.

Roberto Mesquita disse que o Governo fracassou em todas as políticas públicas de segurança pública. “O Ceará só experimentou a diminuição dos crimes violentos letais, durante o governo de Camilo Santana, quando as facções criminosas se uniram”, apontou.

O deputado ressaltou que o Estado está emparedado e amedrontado. “As pessoas só saem de casa rezando. Ninguém está seguro. Vivemos em um local onde líderes do Governo dizem abertamente que têm medo de sair de casa”, pontuou.

Heitor Ferrer avalia situação do Ceará em período pré-eleitoral

 

O deputado Heitor Férrer (SD) comentou, a situação do Ceará durante o período pré-eleitoral. Ele afirmou que metade da população do Estado é pobre, e criticou as políticas governador Camilo Santana.

Heitor Férrer ironizou as declarações sobre o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do Ceará. “O PIB tão exaltado pelo governado, por crescer mais que o do Nordeste, não se converte em satisfação e qualidade de vida para a população", afirmou.

O parlamentar afirmou ainda que o Ceará possui 61% das crianças de zero a 14 anos em situação de pobreza, e 28% em condição de miséria. Informou também que cerca de 965 famílias cearenses dependem do Bolsa Família, "a esmola oficial", para sobreviver.

"Somando todos esses números, temos algo em trono de quatro milhões de cearenses em situação de pobreza ou miséria; quatro milhões de pessoas a quem o crescimento tão falado desse PIB não afeta", apontou.

SESSÃO DO DIA 02 DE AGOSTO

Carlos Felipe anuncia seminário sobre saúde dos servidores do Estado

O deputado Carlos Felipe (PCdoB) anunciou, a realização do no II Seminário sobre o Novo Plano de Assistência à Saúde dos Servidores do Estado do Ceará.

Promovido pela Comissão de Seguridade e Saúde da Casa, presidida pelo deputado, o encontro vai debater o regulamento específico do sistema de saúde do servidor, reestruturado pela Lei 13.580/18.O seminário será no Auditório Murilo Aguiar e vai contar com apoio do Fórum Unificado das Associações e Sindicatos dos Servidores Públicos do Estado (Fuaspec).

O parlamentar também comentou sobre o pleito eleitoral de 2018. “Estamos nos aproximando de uma eleição a pouco mais de dois meses e logo a população do Ceará e do Brasil terá oportunidade de fazer escolhas. O eleitor deve se preparar para votar bem, para não criticar depois. É a oportunidade de um novo governo, que saiba colocar para o Brasil uma proposta de esperança”, acrescentou.

Capitão Wagner pede que políticos mantenham foco no bem da população

O deputado Capitão Wagner (Pros) pediu, que as pessoas que ocupam cargos público tenham uma preocupação mais urgente com o povo.

O deputado pediu mais coerência aos políticos no momento em que buscam estabelecer suas alianças, de olho no pleito de outubro. “Um monte de político que se agredia, agora está se abraçando para fazer campanha. Deveriam se preocupar em governar e com o bem do povo”, apontou.

Seguindo a mesma linha de raciocínio, o deputado voltou a criticar a gestão estadual. “O governador Camilo Santana ofereceu folga para o policial que fosse assistir ao discurso dele e aplaudi-lo, enquanto o Estado está pegando fogo e as facções dominando o povo”, disse ele.

Renato Roseno repudia agressão contra trabalhadores da construção civil

O deputado Renato Roseno (Psol) manifestou, quinta-feira (02/08), apoio aos trabalhadores da construção civil do Estado, que, na última quarta-feira (01/08), teriam sido alvejados em um canteiro de obra. Segundo ele, o fato aconteceu em razão de uma animosidade por parte do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Ceará (Sinduscon), em razão da campanha salarial dos trabalhadores, que não aceitaram a proposta patronal. 

Sérgio Aguiar destaca apoio do Governo do Estado aos municípios do Interior

O deputado Sérgio Aguiar (PDT) informou, que uma comitiva com representantes de diversos municípios cearenses se reuniu na quarta-feira (01/08) com o governador Camilo Santana para apresentar demandas.

De acordo com o parlamentar, foram debatidos temas de grande importância para o fortalecimento do interior do Estado. “Foi um importante encontro, que permitirá levar adiante a implementação de ações nos respectivos municípios, seja em termos de infraestrutura, geração de emprego e renda ou segurança pública”, explicou.

Sérgio Aguiar destacou, entre essas demandas, a implementação da Ronda de Ações Intensivas e Ostensivas (Raio), dessa vez, em municípios com 30 mil habitantes. De acordo com ele, a presença do Raio nos municípios com 50 mil habitantes provocou uma sensível redução da violência e um aumento da sensação de segurança na população.

FIQUEM COM DEUS E LEMBREM-SE A FAMÍLIA É A BASE DE TUDO.




COMPARTILHAR




Mais - DESTAQUE POLITICO

  1. 11.09.2018Terça DESTAQUE POLITICO
  2. 15.08.2018Quarta DESTAQUE POLITICO
  3. 08.08.2018Quarta DESTAQUE POLITICO
  4. 02.08.2018Quinta DESTAQUE POLITICO
  5. 01.08.2018Quarta DESTAQUE POLITICO
  6. 26.07.2018Quinta DESTAQUE POLITICO
Publicidade
Todos os direitos reservados para avol.com.br - no ar desde 2001